A Rosa Choque é uma loja especializada em roupas femininas. Mais do que isso. É uma loja que entende esse universo, por isso buscamos um relacionamento maior do que loja e cliente, mas de verdadeiras amigas. Aqui você encontra excelentes opções de compras para as mais diversas ocasiões e encontra também um sorriso a cada vez que você se sente bem. Então, aproveite esse espaço para comprar e se divertir.



sexta-feira, 23 de maio de 2008


Dicas para a ambientação do quarto

Nós convidamos duas arquitetas super legais, profissionais e queridas para criar uma matéria especial aqui para o Lady Rosa Choque: Dani Chiaradia e Tania Greuel.


Conversamos para que elas criassem 10 dicas pra gente deixar o nosso quarto mais legal. Afinal, nosso quarto é a extensão da nossa personalidade e dos nossos sentimentos!


As dicas são excelentes mesmo e quem quiser entrar em contato com as meninas tem o site delas AQUI.


Com a palavra: Dani e Tania.

Nosso quarto: um reflexo de nós mesmos, um espaço tão íntimo e pessoal que merece nossa devida atenção. Nós: jovens mulheres, sofisticadas, independentes, inteligentes, dinâmicas. ;)

Pensando na melhor forma de organizarmos esse ambiente, para que se torne prático, moderno, mas principalmente com a cara de seu dono, resolvemos listar algumas dicas (desde a montagem do ambiente até seu uso cotidiano) para que ele se torne realmente, tudo que se espera dele, aliando o conceito de belo na arquitetura à felicidade e ao bem-estar das pessoas.

- Delimitando sua Identidade
Acima de tudo, só leve para o quarto, seu espaço íntimo, aquilo que reflete seu jeito de ser, sua forma de se expressar. Afinal, antes de agradar aos olhos dos outros, o ambiente deve estar de acordo com seu gosto, seus hábitos. Portanto, suas referências e atividades regem o tema principal na hora de montar seu quarto.




Casa Cor Goiás 2007 - Simone Borges Arquitetura Design
Aliou-se o estilo contemporâneo ao gosto pelas artes


- Organização e Praticidade
Ao montar seu quarto, ou mesmo que somente reorganizá-lo, procure aliar a estética à praticidade do dia-a-dia. Seus livros, relógio e utensílios básicos podem fazer parte da decoração do quarto, e não virar fonte de trabalho ao serem escondidos diariamente (o que muitas vezes pode não ocorrer pela falta de tempo dessa vida moderna). Busque a facilidade de organização, tornando este ambiente reflexo também do cotidiano. Portanto, não esqueça a luminária no criado-mudo, os livros sobrepostos, o mural de recados e atividades, mas claro, tudo no maior estilo.

- Minimalismo
Hoje em dia, procuramos criar ambientes leves, de formas puras e de destaque. Não carregue seu quarto, deixe-o livre, com móveis úteis e de seu agrado. O ambiente fica de uma leitura mais fácil, menos cansativa e de maior destaque, ao escolher o que realmente se faz necessário e apostar em peças coringas, de forte identidade. Aproveite para livrar-se de tudo que não usa regularmente, concentrando-se realmente nas suas necessidades.

- Criação de Áreas de Trabalho
Uma opção para quem quer espaços bem funcionais e de fácil localização é dividir o quarto em setores de trabalho, como dormir, vestir, maquiar, trabalhar, coleções. Assim, pode-se separar o que vai ser utilizado em cada ambiente, facilitando a procura do dia-a-dia e facilitando na hora de organizar. Muitas vezes esses espaços não necessitam estar completamente configurados. Como a parte da maquiagem, podendo ser formada apenas por um espelho cortado por uma bancada de apoio.

- Divisões nos Compartimentos
Para manter os utensílios, objetos e roupas em geral sempre organizados e bem divididos, tem-se como opção trabalhar nos compartimentos dos móveis ou até mesmo dispostos pelo quarto, nichos, caixas e baús. A utilização de nichos já é uma solução bastante difundida, pois serve como divisor de eletrônicos, espaço para guardar dvd’s, livros, perfumes, maquiagens, conforme o móvel proposto. Uma solução também é a utilização de estantes, prateleiras e guarda-roupas que possuam a opção de portas abertas e fechadas, sendo estas de correr. Um exemplo são as televisões dentro de guarda-roupas, sendo somente abertas quando de sua utilização. Baús e caixas expostas estão em alta, como formas práticas de manter o quarto sempre organizado.

Casa Cor, por Vanessa Feres

- Atenção ao Guarda-Roupa
O guarda-roupa merece uma atenção especial. Quanto mais dividido em critérios de necessidade, melhor. Para sua organização, pode-se dividir as peças de roupa por critérios de agrupamento, como blusas de manga longa, curta, casacos, calças, saias, vestidos. Essa divisão também vale para as gavetas, com meias, calcinhas e sutiãs. A separação por cores também torna-se interessante. Tudo que for de primeira necessidade, deve ficar mais acessível. Bolsas e acessórios similares, de preferência em prateleiras abertas, sendo que o espaço superior geralmente é utilizado para maleiro e roupas de cama em geral.




Ponto de Teclas e Tomadas
Para evitar fios à mostra e pontos de tecla e tomada em locais indesejados, o ideal é que estes sejam previstos antes do ambiente ser montado. Podem também ser utilizados painéis de madeira ou similares para deslocamento de alguns pontos, bem como da própria utilização do móvel para passagem de fios e proximidade destes com os eletrônicos. Além do ponto de tecla na entrada do quarto, é interessante a locação de mais um na cabeceira, trabalhando com iluminações diferenciadas, até mesmo nos móveis, para clarear algumas áreas de atividade, como a de acesso ao guarda-roupa.

- Criatividade em Alta
A moda sempre se renova. Assim como vemos com as roupas, a arquitetura também se utiliza de tendências mais antigas para lançamentos modernos e de grande estilo como ponto alto da decoração. Alie o conceito minimalista às peças criativas e modernas para compor o ambiente. Muitas vezes, uma peça relançada transforma o espaço, deixando muito mais alegre e criativo.




Humanização
Depois de montado ao seu gosto e estilo, você pode caprichar na humanização do quarto, utilizando-se de cores, materiais e texturas também na decoração. Tapetes, cortinas, roupa de cama, entre outros, fazem parte da composição do ambiente e devem ser pensados também de forma funcional e íntima. Pequenos detalhes, como um vaso de flor na cabeceira, uma manta sobreposta na cama, ou até mesmo a forma com que as fotografias sejam espalhadas pelo quarto fazem a diferença.

- Feng Shui
Para finalizar, a escolha da cor no quarto, ou das cores. Não deixando de lado a identidade do dono, uma opção é a utilização da cromoterapia para acertar no que se espera do local. Eis então algumas cores:



Vermelho aumenta a energia vital


Rosa ativa a energia amorosa, elimina impurezas do sangue


Laranja proporciona maior alegria, jovialidade e libido, elimina gorduras em áreas localizadas.



Amarelo desenvolve a criatividade, purifica o sistema e é benéfico para a pele
Verde aumenta a capacidade física e mental


Azul acalma e equilibra, é analgésico, regenera as células dos músculos, nervos, pele e aparelho circulatório.


Violeta sedativo dos nervos motores e sistema linfático, cauteriza as infecções e inflamações



=)

1 comentários:

Leh disse...

Diicas boas (yy)